Medicamentos e procedimentos estéticos podem ser deduzidos do Imposto de Renda 2019. Especialista explica como declarar

Medicamentos e procedimentos estéticos podem ser deduzidos do Imposto de Renda 2019. Especialista explica como declarar
abril 10 08:32 2019 Imprimir este artigo

Especialista em imposto de renda da Contal Assessoria Contábil, Edineide Costa, dá dicas aos contribuintes.

É bem verdade que medicamentos e procedimentos estéticos não podem ser deduzidos do Imposto de Renda Pessoa Física. Mas existem alguns casos que medicamentos e procedimentos estéticos, dependendo de como as despesas se apresentam, a Receita Federal pode aceitá-las como deduções na declaração do Imposto de Renda.

Edineide Costa: Diretora da Contal

Veja os exemplos abaixo:

Um medicamento qualquer que você compra na farmácia ele não é dedutível, mas se você utiliza um medicamento em algum procedimento hospitalar ou clínico e se for comprovado na nota do procedimento, ele passa a ser dedutível.

Já no caso dos procedimentos estéticos a Receita Federal só aceita deduzir se ele for utilizado para o bem físico ou mental. Ou seja, se você compra uma prótese mamária de silicone e a mesma não está na nota do procedimento, ela não é dedutível. Para que ela possa ser dedutível, ela deve ser incluída na nota do procedimento hospitalar.

EKONOMY é um canal de comunicação multiplataforma que engloba um PORTAL de NOTÍCIAS e uma WEB TV voltados exclusivamente às áreas de ECONOMIA e NEGÓCIOS da região Nordeste.

  Artigo "marcado" como:
  Categoria: